WhatsApp

WhatsApp

Mande sua mensagem

(19) 97422-8635 whatsapp / (19) 2511-0122 virtua@virtuaportaria.com.br

PORTARIA REMOTA

GUIA COMPLETO. A sua segurança em primeiro lugar. 

A portaria remota é uma das ofertas da Virtua Portaria que gera uma economia expressiva ao condomínio.

Também conhecida como portaria a distância ou portaria inteligente, é uma solução completa de hardware, software e transferência de know-how para o controle e gerenciamento à distância do acesso à condomínios.

Você sabe a diferença entre Portaria Remota e Portaria Virtual?

Portaria Remota: É gerenciada a distância, 24/7/365, por uma equipe treinada que; identifica, cadastra e só faz a liberação do acesso do visitante ou prestadores de serviços após á autorização do morador. Sendo responsável também pelo monitoramento das imagens.

Portaria Virtual: Nesse caso não existe o gerenciamento por uma equipe a distância, funciona de forma automatizada, e quem faz o controle de acesso dos visitantes ou prestadores de serviços é o próprio morador. 

  • Reduz até 50% o custo da portaria 50% 50%
  • Segurança 100% 100%
  • Satisfação 100% 100%
portaria virtual
portaria virtual

Seu condomínio na era digital com uma portaria inteligente.

19 97411-9998 

Como funciona e quais as vantagens da portaria remota

Mais segurança e conveniência no controle de acesso ao Condomínio.

Como funciona

  • A central de monitoramento opera no regime 24/7/365;
  • Resposta aos eventos através do monitoramento de imagens ou acionamento da central;
  • Autorização de acessos conforme protocolo estabelecido, incluindo respostas a situações de emergência;
  • Acompanhamento da entrada de moradores, mesmo quando automatizada via RFID, cartões, digital, etc.

Vantagens

  • Mais economia, pois a portaria é um dos custos mais altos para o condomínio;
  • Reduz até 50% o custo da portaria;
  • Reduz os riscos trabalhistas e de acidentes de trabalho;
  • Segurança e conveniência para moradores e visitantes;
  • Sistema mais moderno;
  • Estrutura de uma central de monitoramento.

Tudo sobre Portaria Remota

portaria virtual

Cada vez mais a segurança eletrônica tem seu espaço no Brasil, em vista disso a portaria remota demonstra um potencial crescimento.

Isto tem contribuído principalmente com aplicação da Inteligência Artificial. Outro ponto para o seu aumento é que os condomínios que possuem este sistema são mais procurados no mercado.

A justificativa é pela possibilidade de oferecer segurança, agregar valor, além de contribuir para economia das taxas do condomínio.

Devido à modernidade, diminuição dos custos e segurança o sistema hoje é um dos mais indicados para automatização dos condomínios.

Diante disso, é preciso ter conhecimento de como o sistema de portaria remota funciona.

Para facilitar o entendimento e tirar todas as suas dúvidas, trazemos neste artigo, diversos pontos importantes que devem ser abordados quando o assunto é portaria remota.

1. O que é Portaria remota
2. Como funciona
2.1 Entrada de morador/visitante
2.2 Encomendas
2.3 Veículos
2.4 Acesso dos funcionários
2.5 Falta de energia
3. Diferença entre portaria remota e normal
4. Qual perfil do condomínio
5. Como contratar a portaria remota

 

O que é Portaria Remota

A portaria remota é uma forma de garantir o acesso de visitantes e prestadores de serviços em um condomínio de forma mais automatizada e com a ausência de porteiros.

Conforme as tendências e inovações tecnológicas isto acaba influenciando os comportamentos sociais.

Como característica o mercado imobiliário está seguindo estas mudanças para atender as demandas.

Neste sentido esta portaria do futuro tem o seu destaque graças a possibilidade de proporcionar conforto, segurança inclusive a melhora no gerenciamento condominial.

De qualquer modo, antes de entrar nessas questões é preciso saber como ela funciona (que detalhamos no tópico a seguir).

Basicamente, a portaria remota é um sistema de segurança que funciona no gerenciamento eletrônico das entradas e saídas de um condomínio.

Este dispositivo pode servir tanto para condomínios como também para empresas e residências.

O controle automático garante o gerenciamento eficiente, na qual minimiza os riscos de uma portaria tradicional, além de gerar redução de custos como já citado.

Como funciona?

Todo monitoramento da portaria remota deve ser feito através de um profissional qualificado.

Este faz o seu trabalho em uma central de atendimento remoto.

Ou seja, todo monitoramento é a distância e cobre o período de 24h. Com isto o acesso ao condomínio somente é liberado quando o morador permite a autorização.

Entrada de morador/visitante

Ao chegar um visitante no condomínio, automaticamente as câmeras enviam o sinal para a central de monitoramento.

Logo o atendente efetua o contato com o morador e informa sobre o visitante. Então, se o morador permitir a entrada instantaneamente o acesso é liberado, caso contrário o visitante não pode entrar.

Um fato interessante é que através do sistema todos os condôminos têm o acesso à função do cadastro de usuários.

Este sistema permite definir os dias, horários e como deve ocorrer este acesso. Graças a este pré-acesso facilita a entrada de última hora.

Lembrando que as crianças também precisam do credenciamento.

Já os moradores podem ter o seu perfil, através de alguns recursos tecnológicos, entre eles existem a biometria, digital, facial, íris, retina, palmas ou veias das mãos, além dos cartões de acesso ou tags.

Nas situações que os meios não funcionarem e impedirem a entrada (ou saída) do morador basta entrar em contato com a central pelo interfone.

Durante a comunicação pode ser solicitado informações do condomínio e até mesmo o RG, CPF ou informações que já foram pré-estabelecidas como padrão.

 

Encomendas

Algo muito questionado quando se fala em portaria a distância (veja também – portaria virtual) é a respeito de encomenda dos moradores.

Geralmente se o prédio/condomínio tiver um zelador este deve ser acionado para o recebimento em horário comercial.

Se for preciso, a encomenda pode ter um cadastro no sistema da portaria digital.

Contudo, ocorre o envio de uma mensagem diretamente no aplicativo do zelador ou síndico, assim o mesmo vai ser notificado sobre a chegada da mesma.

Para delivery de comida, o entregador entra em contato com a central pelo interfone.

Este já comunica com o usuário para receber a encomenda na portaria. No entanto, esta situação recebe um monitoramento.

Veículos

Assim como os moradores, os veículos também tem um registro e monitoramento que pode ser indicado em relatórios.

Com o uso deste sistema evita-se a clonagem da garagem, além de deixar a entrada e saída mais rápida, aumentando ainda mais a segurança. 

Acesso dos funcionários

Os funcionários que frequentam o condomínio todos os dias podem ter um dispositivo de acesso, seja com cartões de acesso, tags, reconhecimento digital, entre outros. Este recurso deve ser usado em tempo real através do sistema da portaria do condomínio residencial. 

Falta de energia

Nos casos na qual acontece a falta da energia elétrica ou queda da internet, o sistema se mantém em funcionamento por meio dos geradores e provedores da internet (mantendo a rede online ativa).

Se for preciso a central também pode enviar um funcionário para dar suporte no gerenciamento do sistema, após uma falha.
 

Diferença entre portaria remota e portaria convencional

Apesar dos nomes parecidos existem grandes diferenças entre a versão tradicional e eletrônica. Em poucas palavras, a portaria normal exige que um porteiro ou vigilante fique na guarita.

Este profissional tem o trabalho de monitorar o acesso de todos, desde os usuários até os veículos do condomínio.

Inclusive precisam acionar os portões, além de interfonar ao morador se chegar uma visita, encomenda ou qualquer notificação.

Em casos de problema requer o contato direto com o síndico do prédio ou até mesmo a polícia/bombeiros para as situações mais extremas.

Diante da situação o profissional precisa estar preparado, e receber treinamentos para lidar com as todas as situações.

No entanto, a ideia principal ao não ter um porteiro presencial é garantir uma gestão mais facilitada.

Um exemplo de segurança é em casos de assalto, no caso da portaria remota não existe a chance do assaltante render o porteiro para entrar no condomínio, ou ainda esse porteiro agir juntamente com uma quadrilha passando informações dos moradores.

Outro aspecto é que a terceirização de portaria tem um custo mensal bem menor, já que com um funcionário existe toda uma questão de contratação CLT, impostos, férias, etc.

Isso porque, estes precisam permanecer 7 dias da semana no local.

Já com o porteiro sem fio não é preciso ter esta presença e gastos com encargos sociais, o que pode gerar uma economia de até 50% para o condomínio

O mais interessante é que ao economizar esta quantia permite que administração do prédio utilize a renda e invista no condomínio.

Ou seja, gastar com equipamentos de segurança, câmeras, sensores, alarmes e até cercas elétricas. Inclusive com outras áreas como lazer, melhorias, dentre outros.

Entre as possibilidades temos também o processo na qual permite que os moradores impeçam ou liberem a entrada de um usuário direto pelo equipamento eletrônico.

Por fim, para completar as diferenças entre as opções, vale lembrar que um condomínio pode precisar de vários porteiros presenciais.

Com isto cada um pode demorar um tempo maior para identificação, diferente do meio remoto, pois, o cadastro facilita a liberação que é feita de modo eletrônico, pelo interfone ou central.

Para qual perfil de condomínio é mais indicado?

Atualmente o que mais existe são dúvidas se o sistema pode ser utilizado em qualquer condomínio.

Se for levar em regra, para locais com fluxo muito elevado de pessoas na portaria, o sistema pode não ser tão funcional.

Conforme alguns especialistas a estimativa para um número viável é de 60 unidades no condomínio, seja de residências ou prédio.

Com exceção para alguns prédios que podem receber até 80 unidades (remota), em casos de fluxo de saída ser mais baixo (devido aos idosos ou pessoas no trabalho).

Todo estes fatores se alteram caso a caso, por isso, é importante que seja feita uma avaliação qualificada para saber sobre a viabilidade da adesão e a terceirização da portaria remota.

Em alguns momentos é válido juntar a portaria eletrônica com a portaria tradicional.

Nesta situação é possível optar por um porteiro pela manhã e tarde e usar o sistema apenas a noite.

Com isto, os condomínios residenciais têm utilizado o sistema para valorizar o seu imóvel ou empreendimento.

Hoje estas soluções estão cada vez mais acessíveis a qualquer porte de empreendimento.

Crescentemente as empresas estão oferecendo estas inovações com foco na necessidade dos usuários para facilitar a convivência e segurança dentro dos condomínios.

Independente da escolha vale conferir as vantagens que o sistema vai trazer, como redução dos custos e otimização da segurança para o condomínio.

Como contratar a portaria remota

Como a portaria sem fio (remota) está cada vez mais se estabelecendo no mercado é necessário considerar diversos fatores.

Isto envolve desde a escolha da empresa, até na análise do contrato, pagamento, sistema de funcionários, tecnologias da central de atendimento, entre outros.

Lembrando que ao executar o sistema de portaria eletrônica vale observar as normas técnicas.

Para este trabalho é válido ter sempre o acompanhamento de um profissional especializado.

Ainda pode ser necessário o investimento em novos equipamentos, além da instalação de dispositivos, link de comunicação e infraestrutura para os sistemas da central de atendimento.

Dessa maneira pontuamos acima apenas alguns itens, mas geralmente é preciso identificar e mapear os processos para a instalação.

De qualquer forma, o sistema de portaria remota proporciona uma inovação que garante diversos benefícios.

Outro ponto que merece destaque é a possibilidade de evitar uma ação de criminosos.

“Ações como abrir portas, contatar a polícia, acionar uma sirene ou alarme, abrir uma ordem de serviço são possíveis graças à tecnologia aplicada a estes sistemas de segurança, que são totalmente personalizáveis”, explica Selma Migliori, presidente nacional da Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança (ABESE).

Ainda Selma completa, “O mercado de portaria remota tem crescido 150% anualmente no país e deve alcançar números ainda mais positivos com a implementação de novas tecnologias de Inteligência Artificial e até mesmo IoT”.

Tudo isto é viável, pois os sistema pode otimizar a segurança e diminuir o ato criminoso.

Com a instalação no condomínio pode proporcionar o que existe de mais moderno dentro deste segmento.

Mas mesmo que isto possa parecer algo um pouco distante e futurista é uma realidade que vale ser investida.

Logo ao adotar o sistema pode beneficiar o seu condomínio e sua rotina diária.

Dessa forma é possível constatar que ao inserir a portaria virtual pode ser muito interessante e garantir a melhoria na segurança dos moradores.

Como vimos cada vez mais a tecnologia tornou-se uma saída para melhorar a qualidade de vida e segurança.

Logo, devido às questões abordadas no texto vemos como o sistema tornou-se um exemplo e acabou conquistando diversos prédios e condomínios.

Portanto, caso você se interessou ou tem alguma dúvida sobre o tema, estamos a disposição. Basta deixar um comentário logo abaixo!

Vírtua Monitoramento e Serviços.

 

Tudo sobre Portaria Virtual:
Conheça este guia e entenda as diferenças.

Venha nos conhecer

Agende um horário agora mesmo. Estamos prontos para te atender.

TELEFONE

(19) 2511-0122
(19) 2519-1431

ENDEREÇO

Av Dr. Heitor Penteado, 401 - Taquaral – Campinas – SP

Entre em contato